Zangam-se as comadres

11 Jun
Já o sabiam todos os observadores atentos, agora, torna-se público e notório: FMI e Comissão Europeia entraram em ruptura na muito quente  questão da crise na Europa. O pretexto é a Grécia e os disparates aí cometidos. O FMI, cujo interesse é evitar uma recessão global, denuncia os disparates cometidos na Grécia (e, consequentemente, em Portugal e toda a Zona Euro), a Comissão Europeia (submetida ao interesse e objectivos de Berlim de usar a crise para dominar a Europa) não pode aceitar essa crítica.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Financiamento Internacional

oportunidades e recursos

Praça do Bocage

Conversa sobre o que nos dá na real gana…

almôndega

narrativas, cebolas e molho vermelho

Recordar, Repetir e Elaborar

O de sempre, só que de novo.

Pra Fora

Depositário do que eu vejo por aí

O Informador

Jornalismo, média, actualidade nacional e internacional

Palavras ao Poste

A OPINIÃO (QUASE) CERTEIRA

%d bloggers like this: