Acordai

11 Mar

O “Público” tem hoje uma entrevista, bem conduzida aliás, com o passado, com o director dos Fundos Europeus de Estabilidade Financeira, mas o Financial Times explica como é o futuro. Não é fácil de perceber, mas tentemos.
O passado, que dura há uns meses e tem tido bons efeitos, é a bazooka do BCE que diz que este faz tudo para salvar o euro, bastando para tal que os salvados aceitem a “condicionalidade”, código para austeridade. Isso está a acabar, porque Espanha já não aceita mais austeridade, Itália é o que se vê com as últimas eleições, e França também não fará mais do que umas décimas da dita, para enganar alemão. E qual a alternativa? (…) Só mais três coisas, que isto já vai complicado. A primeira é que o Estado irlandês já pôs em marcha este mecanismo para se ver reembolsado do dinheiro com que salvou um banco, na ordem de alguns milhares de milhões de euros. A segunda, é que um dos amigos da Alemanha está à frente de um dos países que mais precisa desse mecanismo e nada irá fazer de mote próprio. Mais uma vez, as dúvidas não são se esse amigo da Alemanha tem de sair ou não, mas quando isso acontecerá. A terceira é que o Banco de Portugal não vai ficar com muito tempo para escrever prefácios.’ em Pedro Lains

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Financiamento Internacional

oportunidades e recursos

Praça do Bocage

Conversa sobre o que nos dá na real gana…

almôndega

narrativas, cebolas e molho vermelho

Recordar, Repetir e Elaborar

O de sempre, só que de novo.

Pra Fora

Depositário do que eu vejo por aí

Casa das Aranhas

A Verdade vem Sempre ao de Cima

O Informador

Jornalismo, média, actualidade nacional e internacional

Palavras ao Poste

A OPINIÃO (QUASE) CERTEIRA

%d bloggers like this: