Há um novo rumo

21 Fev

António José Seguro sabia que era urgente proceder à revisão dos estatutos porque a credibilidade do partido que lidera não se compadecerá com sucessivos actos que descredibilizem a vida partidária. Sabia o Líder do PS e sabiamos todos os que aqui andamos.
Nunca é tarde para começar e ele melhor que ninguém sabe disso. Pelo que, a proposta que está em avaliação interna  e que será submetida a aprovação da Comissão Nacional aponta para a criação de regras transparentes no processo de filiação e votação. Tais alterações, em discussão interna, traduzem  actos da maior relevância para a afirmação de uma nova forma de estar no interior dos partidos, e com ela, uma nova forma de se ver a vida no interior partidário.

Concluído esse processo de revisão, só poderemos esperar pela aplicação imediata dos novos estatutos aos próximos actos eleitorais internos que se irão realizar durante este ano. Uma aplicação sem excepções ou reservas, sob pena de se transformar um acto de credibilização política numa teia de jogos de poder que esvaziaria por completo todo o meritório trabalho que esta liderança está a desenvolver.

E esse deve ser o sinal que deve ser dado de imediato. Só assim se pode travar a profusão de actos que manifestamente são prejudiciais à imagem da nova liderança e evitar o aparecimento na imprensa de mais noticias como esta das  fichas2 hoje publicada no Jornal de Notícias.

Porque militante não é o que chega num dia de Inverno para votar no Verão seguinte e desaparecer no Outono.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Financiamento Internacional

oportunidades e recursos

Praça do Bocage

Conversa sobre o que nos dá na real gana…

almôndega

narrativas, cebolas e molho vermelho

Recordar, Repetir e Elaborar

O de sempre, só que de novo.

Pra Fora

Depositário do que eu vejo por aí

O Informador

Jornalismo, média, actualidade nacional e internacional

Palavras ao Poste

A OPINIÃO (QUASE) CERTEIRA

%d bloggers like this: